M E F U C K Y O U

home    message    instagram   paz     submit    archive    theme
©
sozinha penso merda pra carai.

Meu gzuiz o que eu fiz p esse homi cruzar meu caminho? O que eu fiz pra ter dentro de mim um sentimento surreal assim? Tinha tudo para não sentir nada. Para não demonstrar nada… mas a coisa ia além. Foi um beijo, uma conversa, e foi além. Foi muito além. No que era foda-se no começo se tornou “vemk, fica comigo” . Como ele mesmo dizia, o beijo leva a gente a loucura. E que loucura é essa? Que envolve minha mente de tal forma… sim, concordo, temos uma amizade super boa. Incrível. Mas envolve mais, pra que “pensamento conectado” ou “juntos mesmo de longe” se está bom assim? Eu juro com todas as forças que o que eu lutaria sem limites para fazer ele parar de achar que eu quero mudar ele. Jamais. Me apaixonei e amo o que ele é e sempre foi comigo. Beijar no rosto é estranho quando as bocas já se conhecem…. exatamente! Agora, eu vou cativar essa amizade boa… que estamos. Quem sabe um dia, se ele realmente sente ele pare de negar dentro si mesmo. Porque eu sinto. A partir do momento que tava caindo na rotina, uma música incrível, duas mãos cruzadas corpo sobre corpo… que nasceu um sentimento. Eu neguei, sou fraca. Rejeito. Ou é ou não é. Mas assumi. E me questiono todos os dias de como consigo viver esse meio termo com você?